Pesquisar este blog

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Novela angolana quase é impedida de voltar ao ar logo após exibir cena homossexual; Nota foi dada pela produtora se desculpando com a população

Reprod.facebook

A novela angolana Jikulumessu, que quer dizer Abre o Olho, transmitida pela TV pública de angola, a TPA, ficou suspensa, por alguns dias, depois de exibir beijo entre dois personagens do mesmo sexo.

A novela, que teve início em outubro de 2014, causou polêmica e repercutiu internacionalmente logo após a exibição de uma cena homossexual onde dois personagens masculinos, um deles casado, beija o outro.

Nas redes sociais o clima esquentou, muitos reprovaram a atitude do canal em transmitir a cena homossexual. O conteúdo da programação da emissora pública é focado em produção educativa e pedagógica, conforme cita um leitor do R.A(Rede  Angola) e a nota dada pela canal pedindo desculpas.

"Ate agora não consigo entender como o Sr. Coreon Du diz querer manter o caráter pedagógico na sua novela jikulumeso. A muito tempo que a televisão publica de angola deixou de ter um caráter pedagógico e original e esta simplesmente copiando os conteúdos das televisões ocidentais que em termos de perversão estão um pouco mais adiantados." (Walter Adriano)                                                                                                          
"Acabem com essa brincadeira. Isso é angola!!!!!!!se é realidade que seja aceite lá longe aqui nao. nao se pode aceitar tudo só porque já acontece n quer dizer que devemos aceitar.como serão os nossos filhos mais daqui a vinte anos dessa brincadeira...acabem com isso "(xxx estado radical)


Nota da produtora pedindo desculpas e divulgando correções
A produtora SEMBA COMUNICAÇÃO, postou nota, na página oficial do Facebook, pedindo desculpas pelas cenas que foram ao ar e que causaram alvoroço entre a população angolana.
Os dois personagens da cena - reprodução
FB
"Desrespeitar e ofender nunca foi o nosso propósito. Por isso, pedimos sinceras desculpas a todos que se tenham sentido ofendidos.
Tomamos, assim, a decisão de fazer algumas correcções na representação de alguns conteúdos mais sensíveis para assegurar que a abordagem dos mesmos em Jikulumessu mantém o valor pedagógico inicialmente pretendido".             
   
                                        Críticas também soaram contra a suspensão da novela. Telespectadores que foram a favor da cena disseram que o país deve se adequar ao padrão mundial. 

Em muitos países, conteúdo  com cenas homossexuais já são liberados, mas em outros países, a prática pode custar a vida de quem desobedecer aos padrões locais. No Brasil, cenas como essas, são vistas, por muitos, tranquilamente. Até cenas de relações íntimas entre personagens passam normalmente na TV, em qualquer horário do dia.

Pouca divulgação do caso no Brasil
O caso da novela angolana estava em um dos assuntos do portal O GLOBO do dia 4 de fevereiro. Até o momento, sites de entretenimento de grande circulação da internet, não publicaram quase nada sobre o caso.

Qual a sua opinião sobre o conteúdo das novelas brasileiras?

Nenhum comentário: